Serviços Hospitalares
  • Consultas e exames
  • Pronto Atendimento
  • Cirurgias e Procedimentos
  • Diagnóstico e tratamento de lesões intra cranianas
  • Embolização de tumores benignos e malignos e mal formações vasculares
  • Laboratório de Hemodinâmica
  • Terapia Intensiva
  • Internação Hospitalar
Especialidades Médicas
  • Anestesiologia
  • Arritmologia cardíaca
  • Cardiologia clinica
  • Cardiologia Intervencionista
  • Cirurgia bariátrica
  • Cirurgia buco-maxilo-facial
  • Cirurgia cardiovascular
  • Cirurgia coloproctologica
  • Cirurgia de cabeça e pescoço
  • Cirurgia de coluna
  • Cirurgia de joelho
  • Cirurgia de mão
  • Cirurgia de quadril
  • Cirurgia endovascular
  • Cirurgia geral e digestiva
  • Cirurgia ginecológica
  • Cirurgia hepato-bileo-pancreatica
  • Cirurgia otorrinolaringológica
  • Cirurgia plástica estética e reparadora
  • Cirurgia torácica
  • Cirurgia urológica
  • Cirurgia vascular
  • Clínica médica
  • Coloproctologia
  • Dermatologia
  • Eletrofisiologia cardíaca
  • Endocrinologia
  • Gastroenterologia e Nutrologia
  • Ginecologia
  • Hematologia
  • Hemodinâmica
  • Hepatologia
  • Infectologia
  • Medicina de urgência
  • Medicina Interna
  • Nefrologia
  • Neurocirurgia
  • Neurologia
  • Neurorradiologia
  • Oncologia
  • Ortopedia e traumatologia
  • Ortopedia Oncológica
  • Otorrinolaringologia
  • Reumatologia
  • Terapia intensiva de adultos
  • Urologia
Especialidades Multiprofissionais
  • Enfermagem
  • Fisioterapia
  • Fonoaudiologia
  • Nutrição e dietética
  • Psicologia Clínica Hospitalar

Blog

Saúde bucal e o coração. Procure um cardiologista em Belo Horizonte


Postado em 15/02/2021




Você sabia que a saúde bucal pode afetar a força do seu coração? Algumas doenças cardíacas podem se iniciar ainda mesmo a partir da boca. A atenção aos dentes, mantendo a boca saudável, vai além de um sorriso perfeito, prevenção de cáries e mau hálito. Dessa forma, o cuidado da cavidade bucal beneficia a saúde como um todo, principalmente a do coração. Fique atento e procure um cardiologista em Belo Horizonte.

Segundo pesquisas do Instituto do Coração (Incor) da Universidade de São Paulo (USP), 45% das doenças cardíacas se originam na região bucal. Esse dado é altamente relevante, pois representa quase metade das doenças do coração com origem naquela parte do organismo. Muitas pessoas desconhecem esta ligação. E muitas vezes podem deixar até mesmo de prestar atenção em alguns sintomas.

A atenção em relação ao cuidado com a boca deve ser priorizada, pois doenças relacionadas ao coração são uma das que mais levam a óbito no país e no mundo. Por isso, os cuidados devem ser contínuos principalmente na região do corpo que é a porta de entrada dos alimentos. 

Quando buscar um cardiologista em Belo Horizonte ou outro especialista?


Mesmo quem não possui nenhuma doença prévia, é importante sempre visitar o dentista, a clínica médica e um cardiologista para fazer um check-up. Já os que já têm alguma doença cardiovascular, como infarto prévio ou insuficiência cardíaca, os acompanhamentos aos especialistas devem ser ainda mais frequentes. 

Neste artigo, vamos abordar as principais doenças relacionadas a boca e o coração, formas de prevenção e possíveis tratamentos. Acompanhe abaixo e tire suas principais dúvidas.

Então, quais doenças estão relacionadas com a saúde bucal e o coração?


Antes de conhecer as principais doenças, primeiro, precisamos entender: como essas duas partes do organismo podem estar relacionadas? O que acontece é que as bactérias que causam as cáries, tártaro, gengivite e periodontite podem seguir pela corrente sanguínea. Em conclusão, elas caem na corrente sanguínea quando encontram feridas e inflamações na boca. Assim, as bactérias podem se instalar em artérias ou diretamente no coração. 

Nos casos em que essa situação ocorre, as doenças a seguir podem ser provocadas:

 

-Endocardite infecciosa 


 A endocardite infecciosa (quando os micro-organismos atacam o revestimento interno do coração e resultam em uma inflamação) é uma doença perigosa e pode levar até a morte. Alguns sintomas são: febre e calafrios; dor muscular e nas articulações; cansaço sem motivo aparente; presença de sangue na urina; aparecimento de manchas na pele; tosse persistente; suor noturno; sopro cardíaco; perda de peso; respiração curta e palidez. 

Provocada pelas bactérias vindas da boca, a endocardite infecciosa também é capaz de levar a novas doenças, como infarto, insuficiência cardíaca. Da mesma forma, pode causar infecções em órgãos como: baço, fígado, rins, cérebro e danos a tecidos; podendo levar a pessoa até a óbito.

 

-Infarto


Talvez a mais conhecida e temida quando pensamos na saúde do coração. Relacionada à saúde da boca, o infarto pode ocorrer quando a inflamação na gengiva produz proteínas, que destroem o tecido e provocam a formação de placas de gordura na coronária. A inflamação estreita os vasos e o fluxo do sangue. Esses fatores podem levar a doenças coronárias e ao infarto.

 

-Aterosclerose (entupimento de artérias)


Vários estudos apontam que a doença periodontal pode interferir diretamente na formação de placas (a aterosclerose). E esse entupimento de artérias pode levar a um infarto.

 

-Acidente Vascular Cerebral (AVC)


Quando as bactérias seguem na corrente sanguínea, podem elevar a proteína C-reativa. Essa proteína é produzida no fígado e pode afetar o coração provocando outras enfermidades e aumentando o risco de um AVC.

Como prevenir?


A prevenção sempre é a melhor maneira para se evitar uma doença. No caso das doenças que se originam na boca, manter esta região higienizada e livre de infecções é a melhor estratégia. Para isso, é fundamental:

-Escovar os dentes e toda a boca, inclusive a língua, ao acordar e pelo menos três vezes ao dia após as refeições;

-Usar sempre o fio dental;

-Utilizar enxaguantes bucais ao menos uma vez ao dia. O ideal é usar o produto sem álcool, para evitar o desgaste do esmalte do dente;

-Consultar o dentista pelo menos duas vezes ao ano;

-Ter uma alimentação adequada e balanceada influi também na saúde bucal. Isso porque açúcares e corantes provocam cáries e manchas; então evitar este consumo ajuda a preservar os dentes. Assim como frutas ácidas e refrigerantes que também ocasionam desgaste nos dentes. Então, a chave é sempre encontrar o meio termo e não abusar de determinados alimentos.

Lembrando que os principais sintomas dessas inflamações são: gengivas vermelhas; inchadas ou doloridas; gengivas com sangramento ao comer, escovar os dentes ou ao passar o fio dental; presença de pus; gengiva retraída dos dentes; mau hálito e gosto ruim na boa frequentemente e, além disso, dentes bambos.

O tratamento da endocardite e a ajuda de um cardiologista


Diagnosticado por um médico especialista, o tratamento da endocardite pode ser clínico ou até mesmo cirúrgico. É porque que, após o médico cardiologista avaliar o histórico de saúde do paciente, realizar exames físicos, clínicos, de imagem e de sangue, o tratamento mais adequado é indicado. 

No caso clínico, fortes antibióticos podem ser utilizados para curar a infecção por algumas semanas, a depender da gravidade da doença. No entanto, se a válvula estiver muito prejudicada, pode ser necessário a indicação de uma cirurgia.

É importante ressaltar que ao sentir qualquer sintoma, o cardiologista deve ser procurado para auxiliar com o diagnóstico e tratamento correto. Assim como endocardite, outras doenças do coração ou qualquer outra enfermidade. Você sabe como procurar um cardiologista em Belo Horizonte? O Hospital Lifecenter está preparado para lhe atender na Central de Consultas, no Pronto Atendimento e possui uma estrutura segura para cirurgias seguras na pandemia. 

Durante a pandemia do Covid-19, o Hospital Lifecenter estabeleceu novos fluxos de atendimentos, além do isolamento físico de algumas áreas. Dessa forma, todas as ações visam garantir a segurança quanto à saúde dos pacientes e prevenção da propagação do vírus. 

Leia mais


Confira no Blog do Lifecenter outros artigos informativos

>> Infarto silencioso, como detectar

>> Ruptura do tendão de Aquiles

>> Aumento de próstata

>> Consulta ao otorrino

Gostou de saber um pouco mais sobre a relação entre saúde bucal e o coração?

Então, agora que você sabe sobre a importância do assunto e de procurar um cardiologista em Belo Horizonte, compartilhe com os seus amigos e familiares.

Além do blog do Hospital Lifecenter, você também pode acompanhar nossas dicas nas redes sociais: InstagramFacebook e Linkedin. 

Pensou em saúde, pensou Lifecenter. 
Este post possui 0 comentários.

Deixe um Comentário